Desenvolvimento de novos produtos é uma das frentes da inovação aberta. A partir dos princípios das metodologias ágeis e da gestão da incerteza, surgiram métodos que permitem reduzir a incerteza e aumentar a inovação no desenvolvimento de produtos. Neste artigo listamos três livros, cada um sobre uma das metodologias.

Lean Inception

Paulo Caroli apresenta neste livro o seu método proprietário Lean Inception de desenvolvimento de produtos. Nascido na prática em condições brasileiras reais, ele apresenta sua experiência e estrutura um modelo de workshop colaborativo para construção de MVPs (Produto mínimo viável). O seu formato permite criar um produto do zero em um workshop de oito horas.

Design Sprint

O Design Sprint é o modelo do Google Ventures de ideação e desenvolvimento de produtos. Diferente do Lean Inception, ele é estruturado em cinco dias de trabalho: um primeiro dia de ideação e planejamento da semana, três dias de desenvolvimento de protótipos e um dia de teste com clientes reais. Sua grande vantagem é permitir validar o produto todo de forma ágil antes de sair a mercado.

Lean Product Playbook

Diferentemente dos outros, este Lean Product Playbook se propõe a oferecer um guia de boas práticas de desenvolvimento de produtos. Ele agrega experiências e práticas consolidadas para:

  • Determinar seu público alvo
  • Identificar necessidades não atendidas deles
  • Criar uma estratégia de produto vencedora
  • Decidir e desenvolver o o MVP
  • Testar o MVP com consumidores
  • Iterar rapidamente até encontrar o market fit

Leia as últimas notícias no Inovação Aberta

Crédito da foto: Image by Sanu A S from Pixabay

Paulo Roberto Silva

Paulo Roberto Silva é jornalista e empreendedor. Graduado em Jornalismo pela ECA USP e mestre em Integração da América latina pelo PROLAM USP.