A Cobli, startup de rastreamento veicular baseada em IoT, está ampliando o time. No primeiro trimestre de 2020 70 novos profissionais devem ser contratados, a maioria de engenharia de software e hardware, design, marketing e vendas. Até o final do ano a meta é chegar a 200 profissionais.

A startup utiliza IoT para gestão de frotas. Ele integra o rastreamento de veículos com a geração de insights para melhor gestão da frota. Entre os indicadores monitorados pela Cobli estão o risco de multas de trânsito, consumo de combustível e otimização de rotas.

Entre os clientes atendidos estão desde ambulâncias e empresas especializadas em telecom, até transportadoras com um número considerável de caminhões e outros veículos pesados.

As contratações da Cobli estão sendo viabilizadas graças à captação de US$ 10 milhões em investimento Série A no final de 2019. A captação foi liderada pelo fundo norte-americano Fifth Wall, que tem no portfolio também a Loggi. Participaram também da rodada os fundos Valor Capital Group e a NXTP Ventures.

Para saber mais sobre as vagas, é só acessar: https://jobs.kenoby.com/cobli.

Leia também: Twitter fatura US$ 3,46 bi em 2019 e busca elevar audiência para crescer

Crédito da foto: Imagem de axonite por Pixabay

Paulo Roberto Silva

Paulo Roberto Silva é jornalista e empreendedor. Graduado em Jornalismo pela ECA USP e mestre em Integração da América latina pelo PROLAM USP.